Le Coucou, restaurante hit de NYC

10.11.2017

Comecei o almoço com um velouté de batata com caviar. Foi o primeiro prato que mais me despertou para aquele dia meio frio, num restaurante francês no pedaço mais bacana da rua Lafayette, em Nova Iorque. O Le Coucou é um restaurante francês que apresenta pratos clássicos, mas com uma embalagem mais moderna. Ambiente romântico, cheio de lustres e clima intimista.

Escolhemos o almoço justamente porque é um momento do dia menos blasé. Como o restaurante é sofisticado, cai a noite e a turma se torna mais pomposa. Comemos ao lado de novaiorquinos de terno e gravada, numa vibe bem executiva. Outros tantos comensais estavam para descobrir a nuvem de sabores. Uma gaja sentada numa mesa próxima, inclusive, estava sozinha e fechava os olhos para sua várias mastigadas sem preocupação com o tempo: impossível não perceber!

Éverton foi mais ousado, pediu um "tête de veau ravigotée". A carne de vitelo se junta a uma parte da língua e do cérebro. É um prato super tradicional e que normalmente é preparado no Natal. Aqui ele ganhou uma crosta crocante, foi empanado. É gelatinoso mesmo, mas bem interessante.

Ele seguiu com um peixe com espuma de lagosta. De cara a gente duvidou que se tratasse de um pescado porque a textura era de pudim: desfazia na boca! Chamamos o maître e ele explicou que aquele era o prato mais pedido do cardápio e normalmente as pessoas não perguntam porque já leram sobre. O peixe é cozido, de

 

sfeito, batido com ovos e mais um par de ingredientes secretos e volta a ter formado de uma posta para mais dois tipos de cocção. Realmente incrível.

O meu pedido é que gera muito dúvida. Fui de "crépinette de volaille au foie gras et fruits", um prato em que são processados foie gras e frango para uma carne macia e completamente diferente. é servido com figo e purê.     

Encerramos com uma sobremesa clássica: torta de limão. O detalhe é que a massa é um patê brisée autêntico, com manteiga bem caprichada.

 

A cozinha é integrada para quem quiser dar uma espiadinha na movimentação lá dentro. Nós, é claro, fomos registrar a cena e ficamos encantados como a elegância do espaço se estende para lá. Cada utensílio de cobre brilha no seu próprio lugar e cada cozinheiro parece sincronizado com os demais. Quase um ballet francês.

Conseguir uma reserva por lá pode custar uns dias. Tentamos pelo site e não havia disponibilidade para nenhum horário ao longo de uma semana inteira. Só conseguimos através do serviço de concierge do meu cartão de crédito. Mas, de todo modo, vale a pena insistir para conseguir uma mesa. A refeição é inesquecível e o serviço impecável.

A casa é comandada pelo renomado chef Daniel Rose, restaurantor por trás do Buddakan e do Marimoto. 

  

ONDE 

138 Lafayette St, New York

 

CONTATOS

Telefone: + 212.271.4252

lecoucou.com

 

Please reload

Destaque

O que comprar em promoção?

08.07.2019

1/6
Please reload

O CRICOFELIX.COM é o site criado pelo jornalista Cristiano Felix sobre tudo o que interessa ao dândi moderno: tecnologia, moda, comportamento, gastronomia etc. As imagens contidas podem ser creditadas ou reproduzidas de fontes externas. Caso você tenha os direitos sobre qualquer imagem publicada aqui e não quiser que ela seja veiculada, entre em contato para que ela seja prontamente removida.  

Categorias:

Comente aqui:

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now