Riviera de Alex Atala

30.08.2014

 

 

No coração de São Paulo não há esquina que não seja movimentada. Mas a das avenidas Consolação e Paulista ressurge como point dos descolados depois de décadas de dormência do Riviera - uma casa resgatada pelo empresário Facundo Guerra e o badalado chef Alex Atala.

Reaberto há menos de um ano, o bar e restaurante foi sucesso nos anos 1960. No projeto atual, concebido pelo arquiteto Marcio kogan, um balcão vermelho se molda ao piso térreo, onde são oferecidos mais de quarenta tipo de drinks. Provei alguns deles, tive tempo.

Na última noite de sexta-feira estive ali. Cheguei por volta das 20h e encontrei uma fila de espera com treze mesas. O melhor da noite foi um Apple Martini (R$ 24), que combina vodka Absolut, Cointreau, xarope de maçã verde e suco de limão.  

Ter uma riviera - termo usado em referência à região costeira - no coração da cidade pressupõe um frescor e respiração no meio concreto. Lá dentro não é bem isso que acontece. O espaço é disputado e ferve como o litoral nordestino durante o verão. O barulho dentro chega a incomodar. Por todos os cantos há grupos grandes e eles deixam claro: esse não é um espaço pra casalzinho. 

 

 

Para entrar no clima, pedi bolinho de arroz (R$ 21) com geléia de pimenta. Eles estão anunciados no cardápio como um dos melhores da cidade. E realmente são.

Pinçando um e outro e chegou a hora de subir as escadas para o outro salão. Lá não existe nenhuma carta diferenciada e os pratos são clássicos. 

 

 

O Steak Tartare O+ (R$ 39) preparado na ponta da faca pode acompanhar torradas, salada ou fritas. Sempre peço com torradas por gostar do sabor amanteigado e ter o contraste com algo morno, já que o principal é servido cru.

 

 

Finesse (R$ 39) é como se chama o peixe marinado com gremolata (uma mistura de alho e salsa bem picados com raspa de limão), um condimento típido de osso bucco. Vem adornado com legumes assados. 

Terminei meu Aperol e não fiquei pra mais que isso. Foi a terceira vez que pintei por lá nesse um ano de funcionamento. Apesar de básicos, os pratos são muito bem preparados - e não era de se esperar menos de um chef que já foi considerado o primeiro e continua entre os melhores do mundo. Mas o barulho cresce como a noite (não há como evitar!) e me expulsou bem na hora de a carruagem virar abóbora. 

Pra quem quer conhecer, aconselho ir em dia de música ao vivo. Assim é mais fácil aceitar os ruídos e entrar no clima. No site tem a programação completa. 

Please reload

Destaque

O que comprar em promoção?

08.07.2019

1/6
Please reload

O CRICOFELIX.COM é o site criado pelo jornalista Cristiano Felix sobre tudo o que interessa ao dândi moderno: tecnologia, moda, comportamento, gastronomia etc. As imagens contidas podem ser creditadas ou reproduzidas de fontes externas. Caso você tenha os direitos sobre qualquer imagem publicada aqui e não quiser que ela seja veiculada, entre em contato para que ela seja prontamente removida.  

Categorias:

Comente aqui:

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now